iPad brasileiro cada vez mais próximo e possível redução no preço das Tablet`s

Publicado: 16 de maio de 2011 por Eduardo Castro em Noticias
Tags:, , , ,

Nessa segunda-feira o Ministério da Fazenda deve encaminhar uma medida provisória para o Congresso Nacional solicitando a adição das tablets na “MP do Bem”, que beneficia computadores produzidos no Brasil. Essa decisão é fruto de uma longa discussão entre técnicos dos ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC), da Ciência e Tecnologia (MCT) e da Fazenda, em conjunto com a Receita Federal. Ao que parece estão cedendo as exigencias da Foxconn para que eles venham  em um prazo de 5 anos, com inicio ainda esse ano, investir um total de 12 bilhões de dólares no país para produzir smartphones, tablets e displays de alta definição para várias empresas, entre elas a Apple.

Entre essas exigencias feitas pela empresa taiwanesa estavam pedidos de isenção tributária para tablets, mudança nas regras alfandegárias para facilitar a exportação de produtos, financiamento por parte do BNDES, ajuda por parte do governo na procura de parceiros e investidores, terminais aéreos dedicados e uma estrutura física completa incluindo grande terreno, cabeamento com fibras ópticas e redes de dados de alta capacidade. Tudo isso para que eles possam começar a montar, dentre outros produtos, o iPad no Brasil o mais rápido possível com foco no mercado interno e externo. Toda essa ansiedade em volta da Foxconn no Brasil não está sendo gerado a toa, ao que parece eles realmente estão preparando uma de suas fabricas de São Paulo para começar a produzir iPad`s e o governo não quer perder essa chance de ouro, está sendo uma correria de ambos os lados.

Não bastasse isso, a Samsung aproveitou todo esse alvoroço em volta do iPad nacional para anunciar que também considera produzir sua tablet em território nacional caso o governo realmente libere esses beneficios para a produção de tablet`s no Brasil, que não se limita apenas a Foxconn e serve para qualquer empresa que queira produzir o produto no Brasil como por exemplo para a Positivo que planeja lançar sua própria tablet no segundo semestre de 2011.

Será essa a chance do Brasil entrar no circuito mundial das tablet`s? Se o governo perder essa chance vai ser mais um motivo de vergonha para esse país, já que várias empresas se mostraram interessadas em investir no mercado desde que os impostos sejam reduzidos. Mas eu não acredito que isso deva acontecer, o governo já se mostrou bem simpático a idéia de receber essas empresas e espera-se que o preço das tablet`s nacionais tenham uma redução em torno de 30%, em relação aos valores atuais, com essa medida provisória, só nos resta torcer para que tudo ocorra bem.

Anúncios

Os comentários estão desativados.